Ricambi investe em qualificação e soluções para peças de tratores.

Ricambi investe em qualificação e soluções para peças de tratores.

Com os ventos favoráveis para a retomada da indústria de máquinas e equipamentos toda cadeia de fornecedores de peças e serviços também ganha novo fôlego para ampliar investimentos nos próximos anos.

Com 27 anos de tradição nessa estrada, uma das empresas que tem se destacado no mercado nacional é a Ricambi, que comercializa um portfólio diversificado de peças para tratores da linha amarela, com mais de 20 mil itens em estoque, para produtos de marcas consagradas como New Holland e Case, ambas montadas pela multinacional CNH Industrial.

Em entrevista exclusiva à EaeMáquinas, os diretores da Ricambi, João Lima e Hélio Perreti, comentam o posicionamento estratégico da empresa no atual cenário econômico e político do país. “A Ricambi investe em pessoas, novas tecnologias, máquinas e equipamentos. Buscamos continuamente pela inovação de nossos processos e modelos de negócio. A nova gestão política do país gera uma perspectiva positiva e entusiasta, no momento que não há incertezas sobre o novo comando político do país, abrindo espaço para investimentos”, avaliam os dirigentes.

De acordo com o estudo divulgado pela Sobratema, o volume geral de vendas de máquinas para construção cresceu perto de 40% em 2018 diante de 2017. No total, a estimativa é de que o ano fechou com 17,8 mil unidades comercializadas, contra 12,9 mil unidades no ano passado. Com uma concorrência cada vez mais acirrada nesse segmento de reposição de peças, muitas coisas são levadas em consideração na hora de decisão dos clientes como agilidade de entrega, disponibilidade de estoque, venda consultiva, evolução de produtos em função da evolução tecnológica das máquinas e equipamentos.

A Ricambi apostou nesses diferenciais para se consolidar no segmento.  “Hoje temos um dos maiores estoques a pronta entrega para as linhas que atendemos. Possuímos uma das melhores equipes técnica de vendas consultivas, com o mais completo acervo de catálogos de máquinas e peças. Trabalhamos com uma logística sem horário de corte, aprimoramos nosso sistema de informação e relacionamento com o cliente”, afirmam Hélio e João.

Nos últimos meses a empresa anunciou investimentos na criação de novos departamentos, organização de processos, equipe técnica. “Nosso departamento de qualidade propiciou a diminuição do índice de devolução de produto e aprimoramos nossa assistência técnica, como por exemplo: criamos manuais de montagem para o uso adequado das peças. Na área de marketing, melhoramos a proximidade e relacionamento com o cliente, onde obtivemos um resultado expressivo, através de campanhas e promoções internas com nossos colaboradores, fazendo uso do endomarketing e externas direcionadas ao varejo”.

Atualmente mais de 75% dos clientes da empresa são revendas de peças para tratores. “Com a utilização de banco de dados, pesquisas e análises de cenários criamos estratégias competitivas, melhoramos nossa carteira de clientes, com o significativo aumento de nosso ticket médio, hoje nossa prospecção é mais efetiva e assertiva.

Possuímos embasamento sólido para tomada e decisão, planejamento estruturado para os objetivos de negócios da empresa. Nosso departamento de desenvolvimento propiciou uma oportunidade de negócio, onde podemos desenvolver peças de difícil acesso ao mercado, aprimorar a qualidade de produtos e customizar peças para clientes”, destacam os dirigentes João Lima e Hélio Perreti.

Fonte: EaeMáquinas « Fevereiro/Março 2019

Compartilhe este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


PortuguêsEnglishEspañol